Desafios para o saneamento básico no Brasil

A partir da leitura dos textos motivadores seguintes e com base nos conhecimentos construídos ao longo de sua formação, redija texto dissertativo-argumentativo na modalidade escrita formal da língua portuguesa sobre o tema “Desafios para o saneamento básico no Brasil”, apresentando proposta de intervenção, que respeite os direitos humanos. Selecione, organize e relacione, de forma coerente e coesa, argumentos e fatos para defesa de seu ponto de vista.

curso de redação

Texto 1: O que é Saneamento?
 

Saneamento é o conjunto de medidas que visa preservar ou modificar as condições do meio ambiente com a finalidade de prevenir doenças e promover a saúde, melhorar a qualidade de vida da população e à produtividade do indivíduo e facilitar a atividade econômica. No Brasil, o saneamento básico é um direito assegurado pela Constituição e definido pela Lei nº. 11.445/2007 como o conjunto dos serviços, infraestrutura e Instalações operacionais de abastecimento de água, esgotamento sanitário, limpeza urbana, drenagem urbana, manejos de resíduos sólidos e de águas pluviais

Fonte

Texto 2: A realidade do saneamento básico no Brasil

Os moradores culpam o poder público em meio a situações péssimas no saneamento. A realidade é demonstrada também pelos números insuficientes, principalmente de coleta e tratamento de esgoto.

Pesquisas realizadas em 2016 pelo Sistema Nacional de Informações sobre Saneamento (SNIS) mostram que mais de 51,9% da população brasileira não tem acesso à coleta de esgoto.

Algumas obras foram feitas no país a nível de infraestrutura, mas o saneamento foi esquecido por não ser uma obra de prestígio público. De acordo com um dos entrevistados, investir em saneamento era visto como “enterrar dinheiro” por alguns governantes.

Segundo Anthony Wong, médico toxicologista e pediatra, as consequências de ignorar o saneamento no país afeta principalmente os mais pobres. Entretanto, pode chegar até as classes mais altas como as epidemias de Dengue ou Zika.

O crescimento populacional também evidenciou a falta de planejamento das cidades em relação ao saneamento básico, conforme ressalta a matéria.

Fonte

Texto 3: Gráfico

saneamento básico

Fonte

Texto 4: Campanha

Fonte

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!